Olá, queridos!

Sei que o post de hoje deveria ser sobre as providências a serem tomadas quando você receber o “SIM” de uma editora, porém a pergunta da escritora MC Jachnkee me despertou para uma questão muito importante a ser abordada. Antes de falarmos sobre o SIM, falarmos sobre a crença de que ele é possível, sim – e de que não basta apenas um bom livro para que ele aconteça.

A pergunta da Marli foi:

MC pergunta

 

Transcrevendo a imagem, a Marli questionou que acha praticamente impossível alguém entrar em uma grande editora pelo “método tradicional”, enviando o original com book proposal, ser lido e receber um “sim” sem que você tenha um agente literário. E perguntou como funcionou comigo, em relação à aprovação na Arqueiro.

Para quem não está familiarizado com o termo: “agente literário” é o profissional que irá apresentar seu trabalho às editoras de maneira muito profissional e cuidar das negociações de direitos e contratação. Dependendo do serviço oferecido, ele também pode ajudá-lo a trabalhar melhor seu texto.

Em meu caso, conforme a Marli perguntou, nunca trabalhei com agente literário – não porque não goste do trabalho desses profissionais, mas porque, pelas circunstâncias, até o momento, funcionou assim. Ao longo de 2015, tive a alegria de ser procurada por editoras maravilhosas, dentre elas a Sextante, que publicará meu livro este ano pelo selo da Arqueiro. Eles são uma editora que, declaradamente, não recebem originais não solicitados – ou seja, só leem materiais que eles tenham pedido para o autor ou agente enviar, e pediram o meu. Da mesma forma que fui procurada por algumas, recebi “sim” e “não” de editoras para as quais enviei meu trabalho para análise, o que é perfeitamente normal a qualquer escritor, em qualquer etapa da carreira.

O que muitos não sabem é que o X da questão não é se você tem agente literário, se você já é um escritor renomado ou anônimo, se seu livro é bom ou ruim…

O verdadeiro X da questão é como você se comporta – e o quanto você busca isso. De verdade.

Você está esperando fazer sucesso para começar a se comportar como um escritor de sucesso? Ou está fazendo por merecer desde já? 

Por exemplo, você tem ido a eventos literários? Dias desses, tivemos evento da Editora Record em uma cidade próxima à minha. O editor da Record estava lá, e eu aproveitei para apresentar a ele duas amigas escritoras, que, é claro, não perderam a oportunidade e falaram sobre seus trabalhos. Em Bienais, você visita os estandes das editoras, procura pela equipe editorial, deixa seu cartão de visita, troca e-mails? Muitas vezes, são nesses encontros que nasce o interesse do editor pelo seu trabalho, ou pela sua imagem como escritor.

E é aí que está a chave: sua imagem como escritor! Como você tem se comportado nas redes sociais? Como tem se apresentado ao público? Ao editor, que certamente está de olho em tudo o que você posta?

As editoras não estão somente atrás de livros bem escritos e com boas perspectivas de vendas. Elas estão atrás de escritores com uma boa imagem, com potencial de sucesso!

Você fica postando indiretas no seu Facebook para outros escritores? Fica maldizendo o mercado literário? Falando mal do sucesso alheio? Acredite, isso é um grande repelente de editoras – e, por mais que eles tenham AMADO seu livro, você acha que vão querer contratar um escritor barraqueiro, que vai manchar a reputação deles? Se você fosse editor, você iria querer?

Tempos atrás, por exemplo, um editor avaliou meu livro e me ligou para contar o que havia achado. Uma das frases que ele disse, eu jamais esqueci. Ele disse: “Samanta, eu li a sua linha do tempo do Facebook inteirinha. E eu adorei a sua postura. Foi isso o que me deixou mais animado para trabalhar com você”.

Não espere fazer sucesso ou estar na editora dos seus sonhos para se comportar como a pessoa de sucesso que você já é! Vista-se bem, comunique-se bem, aja como se estivesse no auge da sua carreira. Preocupe-se, sim, com a repercussão negativa daquilo que irá dizer… Você está em busca de uma carreira de pessoa pública, é importante tomar esse cuidado. Não quando você fizer sucesso, mas AGORA, JÁ! Pois é HOJE que as editoras estão te observando, é HOJE que elas vão ler seus perfis para saber se você tem um bom relacionamento com o público, se você seria um bom profissional para carregar o nome deles. É HOJE que você constrói o sucesso de amanhã!

 

Como vocês sabem, queridos, hoje seria o vídeo sobre as providências a se tomar após receber o “sim” de uma editora. Mas, tendo em vista a pergunta da Marli, e tantos outros questionamentos semelhantes que tenho visto, achei mais importante tratarmos, primeiro, de como preparar o terreno para que esse SIM aconteça!

Tudo começa com você acreditando em si mesmo. Acreditando em sua capacidade, no sucesso que está por vir e se comportando, claro, como alguém de sucesso. É possível para mim, é possível para você.

Acredite! O seu sucesso, VOCÊ faz acontecer!

 

Gostou do post? Concorda comigo? Discorda de algo? Tem dúvidas? Aguardo seus comentários :) Vou adorar conversar com vocês sobre isso!

 

Beijos cheios de carinho,

Sam :*