No vídeo de hoje, em resposta à dúvida enviada pelo Samuel Tenório, falamos sobre o uso da linguagem formal, informal e regional em uma narrativa. Como representar determinado grupo ou região e ser fiel a gírias e expressões locais sem que isso comprometa a compreensão de leitores de outras partes do país? Quando ser formal? Quando ser informal? Como equilibrar tudo isso ao desenvolver a narrativa?

Você já se deparou com essas questões ao escrever uma história? Divida comigo nos comentários! E não deixe de me enviar suas dúvidas. Será uma alegria responder nos próximos vídeos!

Beijos cheios de carinho,
Sam :*